Cássia Kis faz desabafo: "O presidente é quase nosso empregado"

  • Na Globo, Cássia Kis faz desabafo: "O presidente é quase nosso empregado"

Artistas da Globo fizeram desabafo contra a classe política durante a entrega da 20ª Edição do "Troféu Melhores do Ano", exibido ao vivo pelo "Domingão do Faustão", neste domingo (13)

No fim da premiação, o apresentador Fausto Silva cedeu espaço (raro) para que cada um deles falasse o que desejavam para o próximo ano. Cassia Kis, então, pegou o microfone e discursou. "Ah, eu vou ser muito política. Eu quero muito que o governo raciocine qual é a função dele [no país]. Para quê ele existe? Para trazer educação. Nós pagamos o governo. O presidente é quase o nosso empregado", disse Cássia, visivelmente emocionada e aplaudida.

Já Tonico Pereira criticou o Legislativo e suavizou contra o Executivo. "Eu quero uma Câmara dos Deputados que, fundamentalmente, represente o povo brasileiro, porque a culpa não está só do Executivo, não. Temos uma quadrilha lá", afirmou Tonico. "Eu quero que a Comissão de Ética não adie nova votação para 2017", reclamou Fernanda Torres, ao se referir a votação de afastamento do presidente Eduardo Cunha, acusado de mentir sobre conta na Suíça.

Já Alexandre Nero mandou indireta e evitou citar nomes: "Eu acho que a gente precisa de menos opiniões e mais conhecimento. Vamos atrás de conhecimento, saber das coisas", disse. Nas redes sociais, no entanto, muitos internautas especularam que a alfinetada de Nero foi com endereço certo: "Cássia Kis".

Fonte: UOL