EM 2013 Expectativa de vida dos cearenses sobe para 73,2 anos

A expectativa de vida dos cearenses subiu para 73,2 anos em 2013, anunciou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Os dados são das Tábuas Completas de Mortalidade no Brasil de 2013, divulgadas nesta segunda-Feira (1º), no Diário Oficial da União. Nos últimos 23 anos, intervalo de tempo analisado pelo órgão, o aumento na expectativa do Ceará foi de 14,2 anos. 

Conforme a tabela, que mostra a expectativa para todas as idades até os 80 anos, a esperança de vida no Estado ficou 1,7 ano abaixo da nacional, calculada em 74,9 anos. 

No entanto, no período de 23 anos, o acréscimo de anos à expectativa dos cearenses foi maior que no Brasil. No País, em geral, a esperança de vida aumentou 12,4 anos de 1980 para o ano passado. 

Por sexo

Entre os homens cearenses, a expectativa registrada em 2013 foi de 69,2 anos, um crescimento de 13,2 anos, se comparada à de 23 anos atrás. Entre as mulheres, o crescimento foi ainda maior. Passou de 62 anos, em 1980, para 77,2 no ano passado. O aumento foi de 15,2 anos. 

No Brasil, a taxa de mortalidade infantil (até um ano de idade) em 2013, ficou em 15 para cada mil nascidos vivos. A taxa de mortalidade na infância (até os 5 anos), ficou em 17,4 mil. 

As Tábuas Completas de Mortalidade do Brasil são usadas pelo Ministério da Previdência Social como um dos paraêmtros para determinar o fator previdenciário no cálculo das aposentadorias. 

A tabela completa pode ser conferida no link: https://bit.ly/12jVX6z